sábado, 17 de novembro de 2007

A DIFEREÇA ENTRE O TRATAMENTO POR VOCÊ E POR TU

Aqui está uma história que lembra o quão importante é o rigor na linguagem.

O Director Geral de um Banco estava preocupado com um jovem e brilhante
director que, depois de ter trabalhado com ele durante algum tempo, sem
parar nem para almoçar, começou a ausentar-se ao meio-dia e a demorar-se.
Então, o Director Geral do Banco chamou um detective e disse-lhe:
- Siga o sr. director Lopes por uma semana, durante a hora do almoço.
O detective, após cumprir o que lhe havia sido pedido, voltou e informou:
- O sr. director Lopes sai normalmente ao meio-dia, pega no seu carro, vai a
sua casa almoçar, faz amor com a sua mulher, fuma um dos seus excelentes
cubanos e regressa ao trabalho.
Responde o Director Geral:
- Ah, bom, antes assim. Não há nada de mal nisso.
O detective pergunta-lhe:
- Desculpe. Posso tratá-lo por tu?
- 'Sim, claro!', respondeu o Director surpreendido!
- Então vou repetir: O Director Lopes sai normalmente ao meio-dia, pega no
teu carro, vai a tua casa almoçar, faz amor com a tua mulher, fuma um dos
teus excelentes cubanos e regressa ao trabalho...!

quinta-feira, 15 de novembro de 2007

A EVOLUÇÃO...

Desde que os americanos se lembraram de começar a chamar "afro-americanos" aos pretos, com vista a acabar com as raças por via gramatical - isto tem sido um fartote pegado!

As criadas dos anos 70 passaram a "empregadas" e preparam-se agora para receber menção de "auxiliares de apoio doméstico".

De igual modo, extinguiram-se nas escolas os "contínuos " ; passaram todos a "auxiliares da acção educativa".

Os vendedores de medicamentos, inchados de prosápia, tratam-se de "delegados de informação médica". E pelo mesmo processo transmudaram-se os caixeiros-viajantes em "técnicos de vendas" .

O aborto eufemizou-se em "interrupção voluntária da gravidez" ;

Os gangues étnicos são "grupos de jovens" ; os operários fizeram-se de repente "colaboradores"; e as fábricas, essas, vistas de dentro são "unidades produtivas" e vistas da estranja são "centros de decisão nacionais".

O analfabetismo desapareceu da crosta portuguesa, cedendo o passo à "iliteracia" galopante.

Desapareceram outrossim dos comboios as classes 1.ª e 2.ª, para não ferir a susceptibilidade social das massas hierarquizadas, mas por imperscrutáveis necessidades de tesouraria continuam a cobrar-se preços distintos nas classes "Conforto" e "Turística".

A Ágata, rainha do pimba, cantava chorosa: «Sou mãe solteira...»; agora, se quiser acompanhar os novos tempos, deve alterar a letra da pungente melodia: «Tenho uma família monoparental...» - eis o novo verso da cançoneta, se quiser fazer jus à modernidade impante.

Aquietadas pela televisão, já se não vêem por aí aos pinotes crianças irrequietas e «terroristas»; diz-se modernamente que têm um "comportamento disfuncional hiperactivo". Do mesmo modo, e para felicidade dos "encarregados de educação" , os brilhantes programas escolares extinguiram os alunos cábulas; tais estudantes serão, quando muito, "crianças de desenvolvimento instável".

Ainda há cegos, infelizmente, como nota na sua crónica o Eurico. Mas como a palavra fosse considerada desagradável e até aviltante, quem não vê é considerado "invisual". (O termo é gramaticalmente impróprio, como impróprio seria chamar inauditivos aos surdos - mas o "politicamente correcto" marimba-se para as regras gramaticais...)

Para compor o ramalhete e se darem ares, as gentes cultas da praça desbocam-se em "implementações", "posturas pró-activas", "políticas fracturantes" e outros barbarismos da linguagem.

E assim linguajamos o Português, vagueando perdidos entre a «correcção política» e o novo-riquismo linguístico.

29 REGRAS PARA BEM ESCREVER PORTUGUÊS

1. Deve evitar ao máx. a utiliz. de abrev., etc.

2. É desnecessário fazer-se empregar de um estilo de escrita
demasiadamente rebuscado. Tal prática advém de esmero excessivo que
raia o exibicionismo narcisistico.

3. Anule aliterações altamente abusivas.

4. não esqueça as maiúsculas no inicio das frases.

5. Evite lugares-comuns como o diabo foge da cruz.

6. O uso de parêntesis (mesmo quando for relevante) é desnecessário.

7. Estrangeirismos estão out; palavras de origem portuguesa estão in.

8. Evite o emprego de gíria, mesmo que pareça nice, tá fixe?

9. Palavras de baixo calão podem transformar o seu texto numa merda.

10. Nunca generalize: generalizar, é um erro em todas as situações.

11. Evite repetir a mesma palavra, pois essa palavra vai ficar uma
palavra repetitiva. A repetição da palavra vai fazer com que a palavra
repetida desqualifique o texto onde a palavra se encontra repetida.

12. Não abuse das citações. Como costuma dizer um amigo meu: "Quem
cita os outros não tem ideias próprias".

13. Frases incompletas podem causar

14. Não seja redundante, não é preciso dizer a mesma coisa
de formas diferentes; isto é, basta mencionar cada argumento uma só
vez, ou por outras palavras, não repita a mesma ideia várias vezes.

15. Seja mais ou menos especifico.

16. Frases com apenas uma palavra? Jamais!

17. A voz passiva deve ser evitada.

18. Utilize a pontuação correctamente o ponto e a virgula especialmente
será que já ninguém sabe utilizar o ponto de interrogação

19. Quem precisa de perguntas retóricas?

20. Conforme recomenda a A.G.O.P, nunca use siglas desconhecidas.

21. Exagerar é cem milhões de vezes pior do que a moderação.

22. Evite mesóclises. Repita comigo: "mesóclises: evitá-las-ei!"

23. Analogias na escrita são tão úteis quanto chifres numa
galinha.

24. Não abuse das exclamações! Nunca! O seu texto fica
horrvel!

25. Evite frases exageradamente longas, pois estas dificultam a
compreensão da ideia nelas contida, e, por conterem mais que uma ideia
central, o que nem sempre torna o seu conteúdo acessivel, forçam desta
forma, o pobre leitor a separá-la nos seus diversos componentes, de
forma a torná-las compreensíveis, o que não deveria ser, afinal de
contas, parte do processo da leitura, hábito que devemos estimular
através do uso de frases mais curtas.

26. Cuidado com a hortografia, para não estrupar a lingúa
portuguêza.

27. Seja incisivo e coerente, ou não.

28. Não fique escrevendo no gerúndio. Você vai deixando seu
texto pobre -causando ambiguidade - e esquisito, ficando com a sensação
de que as coisas ainda estão acontecendo.

29. Outra barbaridade que você deve evitar é usar muitas
expressões que acabem por denunciar a região onde tu moras, carago!

quinta-feira, 8 de novembro de 2007

MALDITO AZAR E UM TIPO CHAMADO POLGA A METER GOLOS NA BALIZA CONTRÁRIA...

O título diz tudo o que há para dizer sobre o jogo de ontem... PORCA MISERIA!!!!!!!!!!!!!!!!!
GRANDE Liedson!! "He´s my love", jogou bem que se fartou!!!

Mas com o Sporting sabe sempre tudo a tão pouco...

PENSAMENTO DO DIA

"Quando eu tiver um mano, vai-se chamar Herrare, porque Herrare é o mano."

P.S. Este pensamento também significa alguma coisa em termos de auto-estima ou não faz sentido e é ridículo?... Hum... Dá que pensar...

quarta-feira, 7 de novembro de 2007

PENSAMENTOS DO DIA

"Os Homens são como o vinho: todos começam como uvas. Cabe às mulheres amassá-los, pisá-los e enclausura-los até que amadureçam!"

"As Mulheres também são como o vinho: com o passar dos anos umas refinam o sabor, outras azedam. As que azedam é por falta de uma boa rolha..."

sábado, 3 de novembro de 2007

sexta-feira, 2 de novembro de 2007

DIA DOS FIÉIS DEFUNTOS

Depois de ter celebrado, ontem, os filhos admitidos à Glória eterna, a Igreja, mãe compassiva e misericordiosa, recorda hoje aqueles que já salvaram as suas almas mas ainda não puderam entrar no Paraíso, por se estarem a purificar no Purgatório. Ela incentiva os fiéis a rezarem por essas almas padecentes e abre com liberalidade, em benefício delas, os tesouros de suas indulgências.

Hoje é o chamado Dia dos Mortos

quinta-feira, 1 de novembro de 2007

PARABÉNS MANELINHO!!!

Hoje faz anos o meu sobrinho Manelinho!!! 7 anos!!!!!!!! Bem............. O tempo passa a correr...

PARABÉNS!!

DIA DE TODOS OS SANTOS

Neste dia é celebrada a Igreja Triunfante, constituída por todos os bem-aventurados que salvaram a sua alma e estão no Paraíso, na posse da visão beatífica de Deus. Os inumeráveis heróis anónimos, na sua imensa maioria esquecidos pelos demais homens e pela História, que ao longo dos tempos foram passando desta vida para a Eternidade em estado de graça, e pelos méritos da Paixão de Nosso Senhor Jesus Cristo foram sendo admitidos no Paraíso - todos esses, embora esquecidos na Terra, são santos e são honrados pela Igreja neste dia.