segunda-feira, 3 de setembro de 2007

CASAMENTO DA CAROLINA

E aí está, mais uma a entrar para o clube das casadas!! Eheh! Do grupinho das MU´s já estamos 3 para 3 e a próxima é a Maria que apanhou o bouquet da Carolina. O tempo passa mesmo a correr...
Foi um casamento à maneira, muito nice mesmo! Diverti-me até altas horas da madrugada, sempre a dançar, enquanto o alcóol e os charutos me alimentavam, a mim e à Nicas! Ahah!
Para começar ía ler uma leitura linda de corças e ponvas e não li nada porque cheguei meia-hora atrasada à missa! (acreditem ou não a culpa foi inteirinha da noiva!!!) A Carminho animou a missa com todos os sons e ruídos possíveis e imaginários e não tirou a grinalda da cabeça quando foi dar as alianças aos noivos! A minha filha é um espectáculo (sai à mãe...)!!! Ah! e o padre (não digo nomes) disse que a princesa Diana morreu no dia 1 de Setembro de 1996 (mais gaffes era impossível)!
A pirosa da noiva arranjou uma charrete pirosérrima para os levar à Adega de Colares, que provocou um trânsito infernal!
Depois lá foi tudo para o cocktail que tinha uns pimentos e uns tomates óptimos. Ouvi dizer que os croquetes também eram óptimos, mas não chegou cá nada...
Jantar muito bem servido seguido dum doce e dum belo cafezinho e dum buffett repleto de boas frutas (se havia queijos nem reparei...).
Os convidados foram presenteados com uma bela apresentação fotográfica da história de princípes da Carolina e do Luís, o qual não resistiu e emocionou-se chegando mesmo a derramar umas lágrimas. A valsa à antiga (noiva e pai, noivo e sogra, etc etc) abriu a pista e pronto! Dancei a noite toda como se não houvesse amanhã! Hoje fui trabalhar e mal me conseguia mexer, ontem então nem se fala!!!
Às 4h da manhã rumámos a casa.
Obrigada Zé e Nônô por terem ficado com a menina das alianças enquanto os pais difrutavam duma bela festa.

1 comentário:

João Carlos disse...

Tu deves ter tomado umas pastilhazitas...
Constou que à saída havia uma operação auto stop e tu fizeste o teste das drogas, ò minha...