segunda-feira, 3 de novembro de 2008

SAUDADES DE QUALQUER COISA

Saudades de qualquer coisa que nem eu sei dizer o que é...
Saudades de correr por aí sem destino...
Saudades de saltar e agarrar o mundo...
Saudades de ter a vida a meus pés...
Saudades de dançar como se não houvesse amanhã...
Saudades de acordar, poder olhar para a imensidão em meu redor e voltar a fechar os olhos...
Saudades de sair sem ter que voltar...
Saudades de desaparecer do meio da multidão sem dizer para onde vou...
Saudades de gastar gastar gastar...
Saudades de ir aqui e ali sem horas, nem minutos...
Saudades dos mistérios da vida...
Saudadesde não ter limites...
Saudades das amizades a altas horas da madrugada...

Saudades...

8 comentários:

Mommy Kiki disse...

Ai que saudades mesmo!

Mas agora temos uns maridões lindos e uma babies ainda mais lindas! Vais ver que daqui a uns anos, temos é saudades delas ao nosso colo! :)

ritapingascatita disse...

As mudanças trazem a saudade consigo, é inevitável...e teremos sempre saudades...nem que sejam "saudades do futuro"...

E já que o tema da tua "posta" é este... eu tenho saudades tuas e, porque há saudades que são partilhadas, tenho também saudades de tantas coisas inenarráveis e inesquecíveis que ficam escondidas no (nosso) mundo das saudades ;)

E para terminar, escrevendo pela 8ª vez a palavra "saudades", é bom sinal ter saudades (e vão 9!), é sinal de que o que vivemos merece ser recordado...

Beijos grandes pongas!

Mlee disse...

E ainda agora começaste a ter saudades.
Olha eu tenho saudades de coisas de há apenas uns meses atrás, vê lá bem.


Beijuka

Cortes disse...

Kiki,

eu já tenho!!! Ainda hoje estava no corredor cá de casa a andar atrás da Carmo e a tentar lembrar-me de quando ela gatinhava...

Cortes disse...

Pingascatita,

acredita que ter saudades de coisas que merecem ser recordadas é bom, mas às vezes também custa muito e nada tem a ver com querervoltar atrás, nada disso!! Até porque nada tinha o mesmo significado se fosse vivido hoje em dia!
Tantas coisas que ficam no nosso mundo das saudades... é verdade, essas não se esquecem mesmo!! Eheh

Cortes disse...

Querida Mlee,

saudades tenho sempre, só hoje é que me deu para escrever aquilo que me vai na alma. Bom ou mau, raramente deito cá para fora o que sinto, está sempre tudo bem guardadinho cá dentro ;)
Tenho saudades de coisas de há apenas poucos meses atrás como tu, como tenho saudades de coisas de há dias!! É mesmo assim, vivemos as saudades a cada dia que passa e, graças a Deus, nós, os portugueses, temos uma palavra que mais ninguém tem que expressa bem essa ausência de algo que tivemos ou vivemos em tempos: SAUDADE!

gavazzo disse...

Saudades do Sporting Campeão...
Saudades de um Sporting menos dividido e menos SADico...
Saudades de um Sporting eclético...
Saudades de um Sporting onde as velhas glórias eram acarinhadas e respeitadas...
Saudades de um Sporting onde um Sócio não era visto como um mero fã, cliente ou comsumidor...
Saudades de ter um Presidente como o João Rocha...

Saudades...(Leoninas e genuínas)

Cortes disse...

Gavazzo,

as audades dão para tudo e saudades em relação ao Sporting tenho muitas!!!! Principalmente saudades de quando os jogadores tinham amor à camisola!!